A 11ª Semana do Plástico possibilitou que empresários e gestores das indústrias do setor participassem de diferentes formatos de qualificações e geração de negócios, como palestras, workshops, Interface Setorial e o Picplast (Plano de Incentivo à Cadeia do Plástico).

O Interface Setorial ocorreu na manhã do dia 23 de outubro, reunindo 36 empresas, sendo nove demandantes e 12 ofertantes, para fomentar negócios entre diferentes setores produtivos do Estado. O evento contou ainda com a palestra “Perspectivas da Economia para o Setor de Transformados Plásticos”, apresentada pelo assessor econômico da Associação Brasileira da Indústria do Plástico (Abiplast), Marcos Nascimento.

Na avaliação sobre a rede de relacionamento gerada, foram 78 matchmakes de 108 possíveis, tendo o evento um aproveitamento de 72,22%. Segundo o gerente de Promoção de Negócios Internacionais, Nacionais e Regionais no Sistema Findes, Renato Fasolo, a expectativa é de que vários negócios ainda sejam realizados.

Picplast aborda Compliance com diferencial competitivo

Os participantes da Semana do Plástico foram os primeiros a participarem do Workshop Compliance Total, desenvolvido pela Braskem. O curso prático aconteceu pela primeira vez no Brasil no dia 24 de outubro, durante o evento do Sindiplast-ES, e agora segue para outros estados do País, a fim de instruir gestores e empresários sobre a importância do Compliance.

O workshop foi apresentado pelo engenheiro e especialista em Gestão Ambiental, Wagner Giovanini, e reuniu 30 participantes de Arranjos Produtivos Locais (APLs). Os presentes puderam entender o conceito total da prática, que constitui na organização de ações que seguem em sintonia com as regras nos controles internos e externos do negócio, conduta fundamental na gestão das organizações e como diferencial competitivo.

Setor se aproxima do agronegócio

Outro evento que integrou os empresários locais foi o workshop “O Plástico no Agronegócio”, que reuniu 25 executivos dos setores de Plástico e Agricultura, no dia 25 de outubro, no auditório Federação da Agricultura e Pecuária do Espírito Santo.

 

O especialista em Plástico no Agronegócio do Instituto Senai de Inovação de Engenharia de Polímeros de São Leopoldo, em Porto Alegre, André Luiz dos Santos, e a especialista de Desenvolvimento de Mercado da Braskem, Ana Paiva, apresentaram informações, tecnologias e soluções inovadoras em plásticos que podem ser aplicadas no agronegócio capixaba, visando o aumento da produtividade.

 

A diretora geral da Sacaria Serrana, Juliana Emanuele Prado Martins Costa, participou dos três eventos e viu neles excelentes oportunidades de negociações e aprendizado. “A Interface Setorial nos deu a oportunidade de criar relações e construir um networking que vai gerar novos negócios, assim como o workshop “O Plástico no Agronegócio”, que nos mostrou novas possibilidades de trabalhos e investimentos. Já o Compliance me despertou para uma parte da empresa que eu percebi que precisava de mais cuidado e que, a partir de agora, com certeza funcionará melhor. Foi tudo muito pertinente e rico”, destacou.