O Sindiplast-ES iniciou o ano de 2019 focado nos propósitos do seu Planejamento Estratégico. O objetivo é continuar investindo em capacitação, tecnologia e bons relacionamentos com as empresas e com a sociedade. Em março, ocorrem as negociações da Convenção Coletiva de Trabalho (CCT). Com foco na modernização e na evolução rumo à Indústria 4.0, o programa “Plástico 4.0” seguirá em desenvolvimento, buscando a formação, a evolução e a implementação de tecnologias para promover a transformação digital dentro das empresas associadas.

O programa, desenvolvido pela Federação das Indústrias do Espírito Santo (Findes), visa melhorias relacionadas a geração de mais conhecimento e informação, a capacitação das equipes e a produtividade, com foco na redução do desperdício. Além disso, é esperado que a inovação em processos e em novas tecnologias viabilizem ainda mais resultados positivos.

É prioridade, também, trabalhar a imagem do plástico diante da sociedade, mostrando que ele é decisivo para o desenvolvimento social, econômico e para preservação ambiental, demonstrando, ainda, que o grande vilão não é a produção e o consumo do plástico, mas sim seu descarte indevido, e que a educação ambiental e informação são os caminhos para que a sociedade possa usufruir de tudo que o plástico proporciona, sem afetar o meio ambiente.

O investimento em educação profissional permanecerá como uma das pautas de maior valor dentro do Sindicato. Está previsto o início da sexta turma do Curso Técnico em Plástico e Ferramenta, realizado na Escola do Plástico. Ao longo de todo o ano também serão realizadas ações de qualificação e aperfeiçoamento profissional In Company para as empresas associadas.